.

Acessibilidade

Aumentar Fonte
.
Diminuir Fonte
.
Fonte Normal
.
Alto Contraste
.
Libras
.
Vlibras

O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Mapa do Site
.
Acesso à informação
.

De segunda a Sexta das 8:30h às 11:30h e 13h30 às 17h06

Administração - Quinta-feira, 26 de Maio de 2022

Buscar Notícia

Notícias por Categoria

Lançado em Pejuçara o Programa Propriedade Segura

O Projeto que visa melhorar a segurança no meio rural é uma parceria entre Brigada Militar, Emater e Prefeitura


Lançado em Pejuçara o Programa Propriedade Segura

As entidades se reuniram nesta manhã, 26 de maio, no Plenário da Câmara de Vereadores de Pejuçara. Além da presença das entidades parceiras, estiveram no evento o Presidente da Câmara de vereadores, Cerineu José Mantovani, o Vice-Presidente do Sindicato Rural, Osmar Villani, a Presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Laura Bernardete Mioso Bresolin e um dos primeiros agricultores de Pejuçara a aderir ao programa, Paulo Heitor Didonet.

O Programa que iniciou em 2019, com um projeto piloto nos municípios de Colorado e Ibirubá, começa a ser desenvolvido em Pejuçara e poderá ter adesão de mais de 250 propriedades rurais. A Emater, responsável pelo levantamento e georreferenciamento das propriedades, acredita que a metodologia irá reduzir o tempo de resposta da Brigada Militar no atendimento de ocorrências no meio rural.

“Construímos um trabalho interno na Emater para identificar as propriedades rurais, através do GPS e depois buscamos parcerias com as administrações dos municípios, legislativo, entidades representativas dos produtores, para colocar isso em prática. Quando fizemos o primeiro desenho do projeto, pensamos no atendimento da Brigada Militar, porque os crimes no meio rural eram recorrentes e os produtores reclamavam da demora nos atendimentos por causa da dificuldade de localização.  Mas hoje percebemos que não só a Brigada Militar ganhou no tempo de atendimento das ocorrências como também os órgãos de saúde, bombeiros”. Explicou o Engenheiro Agrônomo da Emater, Fabiano de Vargas Gregório.

Segundo o Soldado da Brigada Militar, responsável pelo serviço de inteligência, o sistema já mudou a rotina de atendimentos e a identificação das propriedades através de placas com número, trouxe mais segurança para os produtores rurais.

“No início os produtores tinham um certo receio de que sua propriedade ficaria visada pelos bandidos, mas quando ele entendeu que a identificação da placa é apenas por números, a adesão ao programa cresceu”, concluiu o Soldado Gilberto Alves Barreto Neto.

Em Pejuçara, 53 propriedades rurais aderiram ao Programa Propriedade Segura, até agora. Heitor Didonet, foi um deles. “ Representa uma segurança a mais para quem está trabalhando no campo. Antes você ligava para o 190, mas não conseguia explicar a localização exata da propriedade, então o socorro demorava a chegar, agora com um ponto de referência o tempo de resposta da Brigada é muito mais rápido. O pessoal tem que aderir a esse programa”.

A Prefeita, Flaviana Brandemburg Basso, colocou a administração municipal à disposição da Emater e da Brigada Militar para agilizar a identificação das propriedades e assim garantir mais segurança no campo.

“O esclarecimento para os produtores faz total diferença, por isso estamos aqui para somar e fazer com que todas as nossas propriedades do interior participem desse programa.

Para participar do Programa Propriedade Segura, os agricultores precisam procurar o escritório da Emater e assinar um termo de adesão.

360 Visualizações

Notícias relacionadas

Voltar para a listagem de notícias

.
.

Calendário de eventos

.
.

Acompanhe-nos

.

Unidades Fiscais

.
UF - 2023

R$ 505,78

.
URM - 2023

R$ 5,93

.
.

Prefeitura Municipal de Pejuçara - RS.
Usamos cookies para melhorar a sua navegação. Ao continuar você concorda com nossa Política de Cookies e Políticas de Privacidade.