21/05/2019 16h37 - Atualizado em 02/01/2020 14h09

Quase 2 mil alunos já passaram pelo PDE em Pejuçara. Criatividade dos estudantes segue sendo desafiada


Quase 2 mil alunos já passaram pelo PDE em Pejuçara. Criatividade dos estudantes segue sendo desafiada

Após o lançamento do PDE desse ano com o tema “Alma Empreendedora com Aroma de Chocolate”, os alunos das series iniciais até o 9º ano do ensino fundamental vem aprofundando seus conhecimentos a partir da orientação empreendedora dos professores inseridos no projeto.

 Criado em 2014 no início da segunda gestão do prefeito Eduardo Buzzatti na Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Turismo, Esporte e Lazer(Smec) o programa então denominado Jovens Empreendedores Pequenos Passos(Jepp) foi transformado em Programa Despertar Empreendedor(PDE) e tem, desde então, trazido reflexos altamente positivos na educação  dos alunos envolvidos.

Até agora 1.748 alunos da rede pública de ensino já passaram pelo programa. O tema deste ano, o sexto consecutivo do PDE, provoca os alunos a desenvolverem ideias de sucesso e que possam ter repercussão futura no desenvolvimento do município de Pejuçara. E as experiências, as quais os educandos estão sendo submetidos sãos as mais diversas.

 Os alunos do 4º ano revisitaram a história de empreendedorismo, a partir da criação de uma história em quadrinhos com base na trajetória do fundador da Cacau Show no Brasil, Alexandre Acosta. A atividade didática do PDE foi aplicada como forma de sistematizar os comportamentos empreendedores dos alunos e o relato dos professores orientadores denota a riqueza de detalhes nas produções.

 As orientações aos estudantes têm o enfoque da estratégia para a implantação do empreendimento com vistas a necessidade do planejamento de todas as ações. Neste sentido os alunos do 2º ano do ensino fundamental debateram comportamentos empreendedores com base em histórias infantis(monstrinho empreendedor) e assim puderam entender a importância de um bom planejamento para que o resultado do trabalho seja exatamente o que se deseja e não haja decepções.

Quase 2 mil alunos já passaram pelo PDE em Pejuçara. Criatividade dos estudantes segue sendo desafiada

Para professora Eliane de Moura Zamberlan, supervisora dos programas educacionais e coordenadora do Programa Despertar Empreendedor, o empreendedorismo na educação tem o objetivo de trabalhar estes comportamentos mostrando ao aluno aquilo que ele tem capacidade de criar ou de enfrentar. “Os desafios, o trabalho em equipe, a busca de informações e a iniciativa necessária para que os projetos saiam do papel, tudo que eles vem aprendendo ao longo dos anos no PDE vai contribuir para os projetos de vida e vai os tornar grandes seres humanos em termos de trabalho colaborativo”, pontuou a educadora.

Os professores que integram o Programa de Educação Empreendedora destacam ainda a importância de os alunos perceberem, a partir destes debates em sala de aula, como o planejamento tem repercussões positivas também no seu dia-a-dia. Isso ocorreu na atividade realizada a partir da apresentação do livro “Temperos Naturais” ao 2º ano. Em grupos, os estudantes puderam manusear e observar o tema que irão trabalhar.

Através das temáticas dos livros os estudantes são submetidos às oficinas pedagógicas. Todas as turmas têm uma oficina prática no Cepib, de acordo com o livro que estão trabalhando, e essas oficinas envolvem profissionais que colaboram com o PDE. Os dados do programa mostram que, além da comunidade escolar inserida no projeto, por ano, pelo menos 40 colaboradores que também são empresários do município ministram oficinas práticas para os alunos do programa.

Quase 2 mil alunos já passaram pelo PDE em Pejuçara. Criatividade dos estudantes segue sendo desafiada

Para o agente de desenvolvimento e um dos coordenadores da Sala do Empreendedor de Pejuçara Luiz Afonso dos Santos, o PDE é uma ferramenta essencial para o desenvolvimento e crescimento do empreendedorismo no município de Pejuçara. Ele lembra que não há no Estado do Rio Grande do Sul um programa com base tão sólida quanto a do Programa Despertar Empreendedor. “Para além desta questão, a administração do prefeito Eduardo Buzzatti se empenhou na criação de uma legislação para regulamentar a educação empreendedora fazendo com esta integrasse o currículo escolar dos alunos e professores com o viés do incentivo para os docentes inseridos no programa. A intenção do PDE é, que os alunos não sejam apenas trabalhadores formais no futuro, mas sim intelectuais e potenciais empreendedores”, destacou Luiz Afonso.

A diversidade de temas abordados no Programa Despertar Empreendedor(PDE) instiga aos alunos a busca pelo conhecimento e, por conseguinte, estreita relacionamentos em sala de aula. As diferentes temáticas dos livros inseridos no projeto trabalham distintos comportamentos desafiando os alunos no seu cotidiano, na relação humana e isso vai muito além da atividade pedagógica tendo, na prática, repercussão na sua formação.

Quase 2 mil alunos já passaram pelo PDE em Pejuçara. Criatividade dos estudantes segue sendo desafiada

O PDE proporciona várias experiências. Na atividade de apresentação dos Temperos Aromáticos para os alunos do 2º ano, a matéria prima(temperos) foi trazida de casa pelos próprios alunos e durante a aula cada um contou um pouco de sua experiência e socializou com os demais colegas e professores sobre a importância sua utilização no nosso cotidiano. A atividade também abordou a importância do engajamento e do planejamento para que determinados projetos deem certo.

Quase 2 mil alunos já passaram pelo PDE em Pejuçara. Criatividade dos estudantes segue sendo desafiada

Para a secretária de educação Carla Regina Decian o Programa Despertar Empreendedor(PDE) é uma ferramenta que fomentará o desenvolvimento econômico, cultural e social na comunidade de Pejuçara a médio prazo. Ela destacou que enquanto experiência profissional já tendo exercido cargos tanto no legislativo quanto no executivo pôde perceber a necessidade de pensar em algo no ambiente escolar que promovesse novamente o espirito empreendedor que se perdeu ao longo dos anos no município. “Isso era muito mais presente na comunidade e notávamos a falta de lideranças, de colaboração e de iniciativa nos segmentos da nossa economia local. O PDE tem o propósito de resgatar isso, a partir da semente que a Administração Municipal está plantando agora para colher no futuro”, destacou.

Quase 2 mil alunos já passaram pelo PDE em Pejuçara. Criatividade dos estudantes segue sendo desafiada

Os alunos, a medida da aplicação das aulas foram adquirindo uma vivência do que é um planejamento, desde as atividades escolares, até a implantação de um ramo de negócio. Em Pejuçara, há exemplos práticos em algumas famílias onde os pais empreendedores se valem das informações trazidas pelos filhos alunos para o sucesso do empreendimento.

 “Nossos alunos, hoje tem um outro olhar na questão da necessidade de ter uma grande ideia para fazer com que a nossa cidade cresça. A pesquisa de campo que está sendo feita pelo 9º ano mostra isso, ou seja, quem é o cliente que eles terão que atender, quais são as necessidades do município em termos de subsistência humana e isso é o resultado da prática do trabalho”, lembrou a coordenadora Eliane Zamberlan.

Os estudantes do 9º ano que participam do PDE estão trabalhando o desenvolvimento de suas respectivas empresas e com base nessa ideia desenvolveram uma pesquisa de preferência. A pesquisa aborda questões inerentes aos anseios do consumidor e com base nos dados a serem posteriormente compilados, os alunos darão inicio ao trabalho de criação de seus “empreendimentos”.

A pesquisa que está em andamento pode ser respondida no link:

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSddiHMsCHbMJpdLv3QGK5Q2VH1sxq4djiUIwLmYoIOWLikXPQ/viewform

Quase 2 mil alunos já passaram pelo PDE em Pejuçara. Criatividade dos estudantes segue sendo desafiada

O prefeito Eduardo Buzzatti voltou a frisar que o PDE alcançou o seu objetivo de criar uma cultura nos estudantes, desde os mais pequenos até os do 9º ano, para que estes desenvolvam no ambiente escolar o censo pelo empreendedorismo. “Na qualidade de gestor municipal o nosso desejo é de que o PDE tenha vida longa no município porque esta cultura do empreendedorismo fomentará nosso desenvolvimento”, disse. 

O Programa Despertar Empreendedor(PDE) chega a seu 6º ano ininterrupto de atividades, envolvendo os alunos da rede pública de ensino e agregando diversos profissionais da educação do município de Pejuçara. Com o apoio da Administração Municipal, através do Poder Executivo e parceria com o Centro Educacional Professora Iara Bergoli(Cepib), Escola Municipal de Ensino Fundamental(EMEF) Pejuçara, Escola Municipal de Educação Infantil(Emei) Maria Schuster, o programa seguirá desenvolvendo atividades ao longo do ano, buscando despertar nos jovens estudantes do município o gosto pelo desafio do empreendedorismo. Em 2019 são 290 alunos sendo submetidos as diversas atividades do PDE, programa que pelo notório sucesso em nível local, é tido como exemplo por educadores que atuam em universidades da região e já virou “case” para aplicabilidade de projetos semelhantes em outros municípios.


Edição: Antonio Brito 

Assessoria de Comunicação


Enviar por e-mail Imprimir