27/11/2019 16h14 - Atualizado em 27/11/2019 17h46

Município é contemplado pelo programa Educação Conectada do Governo Federal


Município é contemplado pelo programa Educação Conectada do Governo Federal

A Administração Municipal de Pejuçara, através da Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Turismo, Esporte e Lazer recebeu uma ótima notícia nesta terça-feira(26). O município de Pejuçara foi contemplado pelo Programa de Inovação Educação Conectada do Governo Federal.

O programa visa a promoção do acesso a inovação e tecnologia nas escolas e busca a equidade de condições entre as escolas públicas de educação básica para o uso pedagógico da tecnologia.

Em Pejuçara, o trabalho começou a ser feito em 2017 com a adesão do município tendo como articuladora do programa Educação Conectada a professora Eliane de Moura Zamberlan. O programa promove a colaboração entre os entes federados, visa a autonomia dos professores na adoção de tecnologias para a educação, estimula o protagonismo do aluno e busca melhorar através de investimento a estrutura da internet com qualidade e velocidade compatíveis com as necessidades de uso pedagógico dos professores e alunos.

A professora articuladora do programa em Pejuçara Eliane Zamberlan disse que a partir da adesão em 2017 passou por capacitação que durou 4 meses em 2018 estudando, dentro do projeto, ferramentas que envolvem as tecnologias exclusivas de uso em sala de aula. “O intento do programa é inovar no sentido do uso da ferramenta tecnológica buscando qualificar ainda mais o ensino, tendo como desafio a educação em sala de aula integrada às tecnologias e os alunos sabendo usufruir delas”, destacou Eliane.

Município é contemplado pelo programa Educação Conectada do Governo Federal

A secretária municipal de educação, cultura, turismo, esporte e lazer Maria de Lourdes Zamberlan Krabbe destaca que a educação conectada chegou em boa hora para Pejuçara, uma vez que recentemente concluímos os estudos sobre a nova Base Nacional Comum Curricular com inovações metodológicas que contemplam a realidade educacional em nosso município. "A importância da educação conectada é manter os estudantes na sala de aula, aperfeiçoando as condições de aprendizagem, tornando assim uma educação mais atrativa, tanto no ensino fundamental como na educação infantil", comentou.

Para o prefeito Eduardo Buzzatti, a notícia recebida nesta semana contempla o propósito de sua administração que tem na educação uma de suas prioridades. Ele lembra que o uso da tecnologia de forma pedagógica, além do conhecimento, beneficia o desenvolvimento intelectual dos estudantes e provoca nos educadores o desafio de enfrentar o novo. “O Programa de Inovação Educação Conectada beneficiará de maneira paulatina toda a comunidade escolar, seja alunos, professores, servidores e também familiares dos estudantes. Melhoraremos ainda mais nossa estrutura de ensino que passa a contar com essa importante ferramenta de interação e conexão mundial chamada internet”, disse o Chefe do Executivo.

A partir da adesão ao programa foi feito um plano financeiro de aplicação dos recursos que poderá ser acessado pelas escolas. Na Escola Municipal de Ensino Fundamental Pejuçara a professora articuladora lembra que o investimento será feito para revitalizar e potencializar aquilo que já existe no que tange á internet. Eliane destaca que na parte do impacto financeiro, foi apresentada a realidade da EMEF Pejuçara e houve a inscrição para aplicação dos recursos na parte da internet com a ampliação da capacidade de transmissão e recepção de dados com maior velocidade nas salas de aula e melhor estrutura de equipamentos tecnológicos para isso.

O Programa Inovação Educação Conectada prevê ainda que os professores e alunos sejam capacitados para que os estudantes, protagonistas do programa, possam desenvolver com qualidade, pertinência e relevância o trabalho, que a partir do investimento em recurso tecnológico, será dimensionado em rede.

Para a Escola Municipal de Educação Infantil(Emei) a intensão é levar internet ao educandário, uma vez que ainda não dispõe do acesso a rede mundial de computadores nas salas de aula.

Edição: Antonio Brito 

Assessoria de Comunicação



Enviar por e-mail Imprimir