07/04/2016 11h18 - Atualizado em 07/04/2016 11h18

Mostra “Comunidades Indígenas do Noroeste do RS” atrai mais de 500 pessoas em Pejuçara


O Museu dos Imigrantes Marcos Bresolin, recebeu de 4 a 6 de abril a Mostra Itinerante “Pluralidades - Comunidades Indígenas do Noroeste do Rio Grande do Sul”, promovida pela Museu Antropológico Doutor Pestana, FIDENE, Governo do Estado e Universidade Regional do Noroeste do Rio Grande do Sul (Unijuí).

  A mostra fotográfica exibiu mais de 30 fotografias que retratam diferentes olhares sobre a realidade dos povos indígenas que habitam o noroeste gaúcho, com a colaboração de diversos profissionais e estudantes em um intenso trabalho de pesquisa, digitalização e organização do acervo de imagens.

E exposição que esteve em Pejuçara é parte de um projeto mais amplo, pois o “Pluralidade” busca reconhecer a efetiva contribuição dos diversos grupos étnicos no processo de formação social, econômica e cultural do Noroeste do Rio Grande do Sul, além de retratar comunidades indígenas, afro-brasileiros e a imigração no Noroeste do estado.

Mostra “Comunidades Indígenas do Noroeste do RS” atrai mais de 500 pessoas em Pejuçara

  550 pessoas passaram pelo Museu dos Imigrantes para prestigiar a Mostra, que também conta com a colaboração do Conselho de Missão entre Índios da Igreja Evangélica de Confissão Luterana do Brasil (IECLB), Comunidades Indígenas Kaygang e Guarani do Rio Grande do Sul e Coletivo Catarse, através do projeto Carijo: Herança do Conhecimento Ancestral Através da Fabricação da Erva-Mate.



Enviar por e-mail Imprimir