27/11/2019 17h46 - Atualizado em 28/11/2019 9h27

Estrutura administrativa de Pejuçara é tema de aula descentralizada


Estrutura administrativa de Pejuçara é tema de aula descentralizada

A Administração Municipal, através da secretaria de administração recebeu na noite dessa terça-feira(26) no gabinete do prefeito Eduardo Buzzatti alunos do 2º ano do ensino médio noturno da Escola Ângelo Furian. Acompanhados da professora Rejane Linassi os alunos tiveram, durante a apresentação, noções do funcionamento do rito administrativo municipal, através da explanação da secretária Patrícia Schuh, da administração.

A proposta da professora Rejane era descentralizar uma aula de português para trabalhar a matéria redação oficial e estrutura administrativa. O prefeito Eduardo Buzzatti   que acompanhou a apresentação falou de sua experiência enquanto administrador relatando um pouco de sua rotina como gestor municipal. O Chefe do Executivo incentivou os alunos a estudar com profundidade o assunto uma vez que são potenciais gestores futuramente.

Estrutura administrativa de Pejuçara é tema de aula descentralizada

A secretária Patrícia Schuh apresentou aos estudantes modelos de oficio, decretos, portarias, pareceres jurídicos, licitações, processos de solicitação de compras e o rito burocrático para pagamento, além de modelos de atas, folhas de pagamento, discorrendo também sobre a redação contida nas Leis Municipais.

Dentre os assuntos apresentados na matéria constou a forma e estrutura de redação,  características dos documentos, pronomes de tratamento dentre outros.

Os alunos também puderam acessar o site do município de Pejuçara e lá conhecer links onde constam informações a cerca do tema que foi o objeto da aula.

“Foi um encontro muito produtivo de mais de duas horas de duração, onde não somente os alunos aprenderam um pouco mais sobre a administração, mas também o município através da sua gestão pode contribuir para o conhecimento sobre o funcionamento da máquina pública. Por certo, foi um momento que evidenciou a cidadania e remeteu a responsabilidade da gestão pública municipal”, avaliou Patrícia Schuh.

Edição: Antonio Brito 

Assessoria de Comunicação



Enviar por e-mail Imprimir